Câmara aprova contratações para saúde

por Luana Lobato Raddatz publicado 05/09/2019 13h31, última modificação 05/09/2019 13h31
Na reunião desta quinta-feira, dia 5 de setembro de 2019, foi aprovado PL que dispõe sobre a contratação de profissionais para atuarem na Vigilância Epidemiológica; na Atenção Básica; no SAE e no LAMINF.

       As vagas previstas são para atender necessidade de excepcional interesse público na vigilância epidemiológica sendo enfermeiro (duas vagas) e técnico de enfermagem (oito) e na Atenção Básica para assistente social (uma vaga). Para o Serviço de Assistência Especializada (SAE) são duas vagas para enfermeiro e duas para técnico de enfermagem e para o Laboratório de Monitoramento de Infecções do HIV (LAMINF) são duas vagas para farmacêutico.

       As contratações serão efetivadas através de processo seletivo simplificado e possibilitarão o pleno atendimento das demandas na prestação dos serviços da saúde. Na Vigilância Epidemiológica atuarão no desenvolvimento do conjunto de ações do serviço que é responsável pela aplicação de 6.000 doses de vacinas/mês, procedimento que demanda tempo, responsabilidade, habilidade e conhecimento.

      No que se refere à contratação do Assistente Social, para compor a equipe da Atenção Básica, salienta-se que decorre da necessidade da atuação deste profissional a fim de atender as demandas das Unidades Básicas de Saúde.

          Quanto às contratações de enfermeiros e técnicos de enfermagem para recompor a equipe do SAE e dos Farmacêuticos para o LAMINF, impõem-se pela necessidade do atendimento dos serviços, em nível satisfatório, do Setor IST/AIDS, HV e TB, da Secretaria Municipal de Saúde. O município encontra-se, hoje, entre os 15 Municípios prioritários para AIDS, Tuberculose e Hepatites Virais. O serviço tem agendada uma média mensal de 800 atendimentos: médicos e psicológicos; e, uma média mensal de 900 atendimentos de assistência farmacêutica.